SÃO PAULO – POLICIAL DA ROTA É MORTO A TIROS EM PATRULHAMENTO NO GUARUJÁ

 Um policial militar da Ronda Ostensiva Tobias Aguiar (Rota) morreu após ser baleado durante patrulhamento na comunidade Vila Zilda, no Guarujá, litoral de São Paulo. Um segundo policial também foi atingido, mas sobreviveu. O caso aconteceu na noite desta quinta-feira (27).

As equipes realizavam o patrulhamento por volta das 23h20 quando foram surpreendidos por disparos de arma de fogo, conforme informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP) do estado.

Os policiais foram socorridos ao Pronto Atendimento Municipal da Rodoviária (PAM). O policial que veio a óbito foi identificado como soldado Patrick Bastos Reis, que foi atingido no tórax. O cabo Fabiano Oliveira Marin Alfaya foi ferido na mão e está em observação.

Segundo Guilherme Derrite, secretário de Segurança Pública do estado, a polícia realiza uma operação para localizar os responsáveis pelos tiros.

– Iniciamos na noite de ontem a Operação Escudo, para capturar os criminosos que atiraram contra dois policiais de Rota no Guarujá. Infelizmente, um deles morreu. Não vamos descansar enquanto não acharmos os responsáveis por esse crime – publicou Derrite na manhã desta sexta (28).

Os perfis da Polícia Militar de São Paulo nas redes sociais declararam luto pela morte do soldado.

– Nesse momento de dor, unimos nossos sentimentos aos da família e elevamos nossos pensamentos a Deus, rogando-lhe que, por meio de seu grande amor, possa consolar os corações e curar as feridas dessa separação – diz a nota.

De acordo com a PM, o soldado ingressou na corporação em dezembro de 2017 e exerceu suas funções “com grande dedicação e zelo com o que lhe era confiado, sendo um profissional dedicado, amigo e exemplar”. O policial deixa esposa e um filho de 2 anos.

JNFBRASIL JORNALNOSSAFOLHADF.

Jornal nossa folha DF

Noticias de Brasília e entorno sempre atualizadas para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *